CRESCEI (SÓ) NA GRAÇA E NO CONHECIMENTO

18/09/2012 08:34
"OS CEDROS NO JARDIM DE DEUS NÃO LHE ERAM RIVAIS; OS CIPRESTES NÃO IGUALAVAM OS SEUS RAMOS, E OS PLÁTANOS NÃO TINHAM RENOVOS COMO OS SEUS; NENHUMA ÁRVORE NO JARDIM DE DEUS SE ASSEMELHAVA A ELE EM SUA FORMOSURA.
FORMOSO O FIZ COM A MULTIDÃO DE SEUS RAMOS; TODAS AS ÁRVORES DO ÉDEN, QUE ESTAVAM NO JARDIM DE DEUS TIVERAM INVEJA DELE". (Ez 31:08-09)

FALANDO A FARAÓ, REI DO EGIITO, DEUS COMPARA A ASSÍRIA COM UM CEDRO DO LÍBANO (REGIÃO NORTE DE ISRAEL E SUL DA SÍRIA FAMOSA PELA EXCELÊNCIA DE SEUS CEDROS) QUE FORA REGADO COM MUITAS FONTES E HAVIA TORNADO-SE MAIOR QUE TODOS OS SEUS PARES NA REGIÃO E AINDA MAIOR E MAIS FORMOSO QUE ÁRVORES QUE ESTAVAM NO JARDIM DO ÉDEN QUE DEUS FIZERA PARA NELE O HOMEM HABITAR.

O HOMEM, POR SUA NATUREZA, PROCURA CRESCER E SE TORNAR FORTE E PODEROSO, IMPORTANTE E RODEADO DE PESSOAS QUE LHE BAJULEM COM PALAVRAS LIJONJEIRAS E, POR SUA GRANDEZA, ACABA TRATANDO SEUS SEMELHANTES COMO A INFERIORES E OS ESCRAVIZA, MESMO QUE INDIRETAMENTE, EM SEU DESEJO DE "SER SEMELHANTE A DEUS, CONHECEDOR DO BEM E DO MAL", COMO DISSE A SERPENTE NO ÉDEN.

MAS A ARROGÂNCIA HUMANA LHE COLOCA EM UMA SITUAÇÃO EM QUE AGUARDA O JUÍZO DE DEUS PARA SUA VIDA. DEUS FALOU A FARAÓ QUE USOU UMA PODEROSA NAÇÃO PARA TRAZER A RUÍNA DA ASSÍRIA E QUE IRÍA FAZER O MESMO COM ELE. AMADOS, NÃO NOS JULGUEMOS ESTAR ACIMA DO JUÍZO DE DEUS E NÃO LHE PROVOQUEMOS À IRA, POIS CERTAMENTE A SOFREREMOS. DEUS NOS DEU SABEDORIA PARA TOMAR-MOS AS MELHORES DECISÕES PARA NOSSA VIDA E, NA VERDADE, NÃO EXISTE MELHOR DECISÃO QUE ANDARMOS HUMILDEMENTE COM O NOSSO DEUS E SERMOS FELIZES COM O QUE DELE TEMOS RECEBIDO, QUER MUITO QUER POUCO, POIS SOMOS SEUS DESPENSEIROS A SERVIÇO DE NOSSO PRÓXIMO.