NÃO À OFENSA À CONSCIÊNCIA DOS OUTROS

04/09/2012 09:27
"COMEI DE TUDO QUE SE VENDE NO MERCADO, SEM NADA PERGUNTARDES POR MOTIVO DE CONSCIÊNCIA;
PORQUE DO SENHOR É A TERRA E A SUA PLENITUDE." ( I Co 10:25-26)

"O AMOR DE DEUS É SUBLIME E A MAIOR DAS DÁDIVAS CELESTIAIS EM TERMOS DE VIRTUDES. PELO AMOR, NÃO DEVEMOS OLHAR EM PRIMEIRO LUGAR PARA O QUE É PRÓPRIO, MAS SIM PARA O QUE É DE OUTREM! AS VEZES QUEREMOS TROCAR AS PALAVRAS E CRÊR QUE FOI DITO: NOSSO.

NÃO. FOI DITO: OUTREM (DE OUTRO).

ASSIM, QUANDO FALAMOS EM OFENDER OU NÃO UMA CONSCIÊNCIA, ESTAMOS SENDO ENSINADOS POR DEUS QUE NÃO DEVEMOS PERMITIR QUE VENHAMOS A FERIR OU MESMO DEIXAR DESCONFORTÁVEL OUTRA PESSOA POR NOSSO CONHECIMENTO. OU SEJA, NÃO PODEMOS PERMITIR QUE OCORRAM RUÍDOS, BLOQUEIOS E INTERFERÊNCIA EM NOSSA COMUNICAÇÃO DO EVANGELHO POR CAUSA DE ALGO QUE  NEM PRECISAMOS SABER. NÃO DEVEMOS IMPEDIR QUE NOSSO TESTEMUNHO FALE AOS CORAÇÕES PODEROSAMENTE A RESPEITO DE JESUS CRISTO, QUE AS AMA, SE ENTREGOU POR ELAS NO CALVÁRIO E AS QUER PERDOAR E LEVAR À GLÓRIA ETERNA.

NOSSO TESTEMUNHO É PODEROSO, FALA MUITO ALTO AOS CORAÇÕES E SEMPRE SERÁ OUVIDO. A RESPOSTA A ESTE CLAMOR DE DEUS ATRAVÉS DE NOSSAS VIDASCHAMANDO TODOS À RECONCILIAÇÃO É RESPONSABILIDADE PESSOAL. MAS QUE AO NÃO OFENDERMOS A CONSCIÊNCIA ALHEIA NÓS OS AMAMOS ISTO É FATO E DEUS É QUEM CLAMARÁ BEM ALTO AOS SEUS CORAÇÕES: EIS QUE ESTOU A PORTA DE TEU CORAÇÃO, SE ABRIRES ENTRAREI. CEAREI CONTIGO. E TU, COMIGO!"